Você não tem permissão para copiar esta notícia entre em contato com os administradores do Google.
Início / Brasil / Lula é indicado ao Nobel da Paz e diz: “não sei se mereço”

Lula é indicado ao Nobel da Paz e diz: “não sei se mereço”

O ex-presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva comentou sobre sua indicação ao Nobel da Paz, nesta terça-feira (13), e disse “não saber” se merece o prêmio.

A declaração foi dada em entrevista à Rádio Cultura , de Foz do Iguaçu. “Eu sinceramente não sei se mereço. É sempre gratificante quando as pessoas lembram de gestos de solidariedade. Mas deve ter gente mais importante que eu no mundo para merecer isso” afirmou.

Lula foi indicado ao Nobel pelo ativista e escultor argentino Adolfo Pérez Esquivel, ganhador do prêmio em 1980. O Parlamento do Mercosul também apoiou a indicação do ex-presidente.

De acordo com Esquivel, a escolha por Lula foi por conta de sua atuação no governo, que tirou “milhões de pessoas da situação de pobreza extrema e aumentou o índice de desenvolvimento humano”.

No entanto, o ex-presidente foi condenado recentemente em segunda instância a 12 anos e um mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro e pode começar a cumprir a pena em breve.

O vencedor do Nobel da Paz é anunciado em outubro e, em 2017, o prêmio ficou com a Campanha Internacional para a Abolição de Armas Nucleares.

TERRA

Sobre O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Aproveite e Veja Também...

PL sobre abuso de autoridade é aprovado

O plenário da Câmara dos Deputados concluiu nesta quarta-feira (14) a votação do Projeto de …

2 Comentários

  1. Luiz Neves Silveira

    Agora com essa acabou de avacalhar o Nobel da Paz. Perdeu a credibilidade.

  2. Sérgio Odilon Penna

    Nobel da Paz para o Lula, é a maior piada mundial. Acabou de vez com a credibilidade do Nobel da Paz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *