Você não tem permissão para copiar esta notícia entre em contato com os administradores do Google.
Início / Cidades / ONDE MORA O PERIGO por Sérgio Bezerra

ONDE MORA O PERIGO por Sérgio Bezerra

sergio bezerraEnquanto (acreditem) alguns brasileiros esperam que Eduardo Cunha, Michel Temer e Aécio Neves acabem com a corrupção no país, a cidade de Monteiro, deitada em berço esplêndido, prepara-se para o embate eleitoral do próximo mês de outubro.

Pelas bandas da oposição, ou melhor, dos concorrentes (não dá para chamar de oposição, já que o único que faz oposição aberta em Monteiro é Lulu dos Tropicais – que, aliás, é oposição desde que o saudoso Antônio Nunes era prefeito), enfim, por essas bandas, com o naufrágio em mares revoltos da ideia da terceira via idealizada pelo vereador Paulo Sérgio, resta apenas o empresário Conrado Oliveira como concorrente desafiante.
Neste cenário, arrisco a dizer que Conrado Oliveira levaria vantagem sobre a concorrente da situação Ana Lorena de Dr. Chico, se as eleições acontecessem hoje. Ele tem mais tempo de chão e, à sua maneira, não deixou de trabalhar após o revés passado. Soma-se ao fato de que aqui e alhures há uma natural tendência de parte do eleitorado em flertar com a mudança. Para “fechar o firo” os articuladores cravam que Conrado forma chapa com Paulo Sérgio. Concretizada a união, seria um reforço de peso.

No entanto, em política as nuvens mudam rapidamente, como dizia Tancredo Neves… Um papagaio falador me informou que Elyane Lindoso, esposa do vereador Raul Formiga, licenciou-se do cargo publico que ocupa, em tempo hábil para candidatar-se… traduzindo: Raul Formiga ta na área.

Outra verdade é que, para que o concorrente desafiante consiga seu propósito, existe uma barreira, ou melhor, uma enorme montanha em seu caminho. Pelas bandas da situação, existe uma candidatura bastante competitiva, por dois motivos. Primeiro, porque a pretensa candidata, além de ser articulada e ter disposição para o embate,foi uma secretaria de saúde de razoável para boa – e a saúde é uma pasta propensa a atrair votos. Segundo, porque, depois que FHC quebrou a tradição republicana brasileira e implantou a reeleição no ordenamento jurídico eleitoral, às custas da compra de votos e da distribuição de concessões de rádio e televisão para os congressistas, a máxima surgida foi que o segundo mandato sempre é pior do que o primeiro.

O danado é que, no caso especifico de Monteiro, a prefeita Ednacé Henrique quebrou essa máxima. Com as devidas vênias aos mais radicais, seu segundo mandato é infinitamente superior ao primeiro. Por onde se anda, peita-se numa obra. Isso é um fato que pesa muito na hora da escolha.

Por conseguinte, para que o favorito candidato desafiante assente o bumbum na cobiçada cadeira de prefeito, essa é a montanha a transpor. E, o mais difícil: não adianta arrodear, porque não dá tempo; tem que transpor, mesmo! E aí é onde mora o perigo.

Sérgio Bezerra

Sobre O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Aproveite e Veja Também...

Lulu dos Tropicais vai pagar salário mínimo e não pode sair da comarca sem autorização por apresentar atestado falso

O Juiz da 2° Vara Mista da Comarca de Monteiro determinou que o ex-candidato derrotado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *