Início / Destaques / Vice-prefeita deve assumir comando da prefeitura de São João do Tigre, após decisão do TJPB

Vice-prefeita deve assumir comando da prefeitura de São João do Tigre, após decisão do TJPB

Vice-prefeita deve assumir comando da prefeitura de São João do Tigre, após decisão do TJPB, que suspende os direitos políticos do prefeito Célio Barbosa (PSB) por quatro anos.

O comando do município de São João do Tigre no Cariri Paraibano, deve sofrer mudanças no próximos dias e a jovem Vice-prefeita Maria Emília Ferreira Medeiros (Emília de João de Manuca), deve assumir o comando do executivo no município, após a condenação imposta pelo Tribunal de Justiça da Paraíba ao prefeito Célio Barbosa, por ter realizado contratação indevida de servidores, o ex-prefeito do Município de São João do Tigre, José Maucélio Barbosa, foi condenado às penas do artigo 12, III, da Lei de Improbidade Administrativa:
Na condenação o prefeito teve a suspensão dos direitos políticos por quatro anos; perda da função pública que porventura, exerça ao tempo do trânsito em julgado; proibição de receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de três anos; e pagamento de multa civil de 50 vezes o valor da última remuneração percebida no cargo de Prefeito do Município.

Se a sentença for mantida quem assume a prefeitura de São joão do Tigre é Emília de João de Manuca (PPS ), atual vice prefeita. A Decisão ainda cabe recurso.

OPIPOCO

Sobre O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Aproveite e Veja Também...

Polícia Militar de Monteiro recupera motocicleta furtada

Uma Motocicleta modelo Shineray XY 50, Cor vermelha com Placa – QFY-750, 0 foi recuperado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Não Permitido!