Você não tem permissão para copiar esta notícia entre em contato com os administradores do Google.
Início / Paraíba / Operador de máquina é preso suspeito de matar esposa com 40 facadas, na PB

Operador de máquina é preso suspeito de matar esposa com 40 facadas, na PB

166417,362,80,0,0,362,271,0,0,0,0Um operador de máquina, de 35 anos, foi preso nessa quinta-feira (14) sob acusação de matar a esposa Luana Teixeira da Silva, de 19 anos, com 40 golpes de faca. O crime ocorreu em fevereiro deste ano na casa do casal, no Conjunto Acácio Figueiredo, em Campina Grande. A motivação do crime teria sido ciúme, conforme apontou levantamento feito pelo delegado Francisco de Assis, que presidiu o inquérito policial.

De acordo com o delegado Francisco de Assis, da Delegacia de Homicídios de Campina Grande, o suspeito foi preso na fábrica onde trabalhava por força de um mandado de prisão expedido pela Justiça local. Foram cinco meses de investigações e uma série de contradições que levaram  a Polícia Civil a elucidar o crime.

“Quando o corpo foi descoberto, o marido da vítima disse que o imóvel tinha sido arrombado e levados alguns objetos, mas a versão foi derrubada na investigação. Dinheiro em local de fácil acesso foi achado. Outro ponto divergente foi a simulação do suspeito em passar mal e chamar o Samu enquanto a perícia estava dentro do imóvel. O serviço de saúde constatou que o homem estava em perfeita saúde”, disse o delegado.

Um dos pontos da investigação foi a forma como o corpo foi encontrado e o mecanismo usado para matar a dona de casa. “A mulher estava em trajes íntimos e sem nenhum hematoma, conforme atestou o laudo. Isso configura que o crime foi praticado por alguém de confiança da vítima. A versão foi confirmada na investigação de que apenas o marido da dona de casa esteve no imóvel do casal”, comentou o policial.

Segundo Francisco de Assis, a motivação foi ciúme da mulher. “Não tenho menor dúvida de que ele matou a esposa por ciúme”, falou.

Na delegacia, mesmo na presença dos advogados, o homem preferiu ficar em silêncio e não respondeu às perguntas do delegado. O operador de máquina foi indiciado por homicídio duplamente qualificado e levado para o Presídio Padrão de Campina Grande onde ficará a disposição da justiça.

Portal Correio

Sobre O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Aproveite e Veja Também...

Polícia fecha rinha de galo e prende homens em Monteiro

Polícia Militar fechou uma rinha de galo, no sábado (13), em um sítio na zona …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *