Download http://bigtheme.net/joomla Free Templates Joomla! 3
Início / Esportes / Fluminense leva a virada do Atlético-PR e perde por 3 a 1, na Arena da Baixada

Fluminense leva a virada do Atlético-PR e perde por 3 a 1, na Arena da Baixada

O Fluminense até saiu em vantagem, mas não segurou o placar e perdeu por 3 a 1 para o Atlético-PR neste domingo, na Arena da Baixada, em Curitiba. Henrique Dourado marcou seu 14º gol no Brasileiro, mas o time paranaense reagiu no segundo tempo com gols de Felipe Gedoz, Ribamar e Jonathan.

Na próxima rodada, domingo, o Fluminense recebe o Palmeiras. Antes, o time enfrenta a LDU, em Quito, pela Copa Sul-Americana. O Atlético-PR visita o Santos no próximo sábado.

O que se viu na Arena da Baixada foi um Fluminense muito recuado, deixando o Atlético jogar. Sem ser incomodado atrás, o time paranaense passou a pressionar o tricolor no primeiro tempo.

Aos 16, Nikão recebeu belo passe na área, ajeitou e chutou forte. A bola passou raspando a trave esquerda. Seis minutos depois, Ribamar passou como quis por Frazan e cruzou. A bola desviou na marcação e explodiu no travessão.

Aos 42, Felipe Gedoz surgiu por trás da marcação de Mateus Norton e cabeceou na rede pelo lado de fora.

O castigo para o Atlético pelas chances perdidas veio no último lance do primeiro tempo. Gustavo Scarpa cobrou escanteio fechado, Weverton não saiu e Henrique Dourado apareceu na segunda trave para cabecear e marcar, na única conclusão a gol do Fluminense na etapa inicial. Foi o 14º gol do Ceifador no Brasileiro.

O Flu voltou do intervalo um pouco mais ofensivo, tocando a bola no campo do adversário. Aos 9, porém, Nikão foi derrubado na frente da área. Felipe Gedoz cobrou a falta, a barreira abriu e Júlio César, sem reação, só olhou a bola entrar no meio do gol.

O jogo ficou mais aberto. O Fluminense reagiu imediatamente, com um chutaço de Scarpa no ângulo que Weverton voou para espalmar. Aos 16, Felipe Gedoz fez boa jogada na área e chutou cruzado. A bola cruzou a pequena área e Nikão, de carrinho, chegou atrasado.

Abel demorou a mexer no time, mas depois gastou logo suas três alterações em apenas seis minutos, colocando Renato, Peu e Marcos Júnior nos lugares de Richard, Wellington Silva e Henrique Dourado – os dois últimos saíram machucados.

O Fluminense aos poucos foi recuando e o Atlético aproveitou a chance que teve para virar. Aos 34, Sidcley fez bela jogada e acionou Ribamar nas costas da zaga. O ex-atacante do Botafogo bateu rasteiro, sem chances para Júlio César, para fazer 2 a 1.

Sem forças em campo, o Fluminense ainda levou o terceiro, em belo chute de Jonathan aos 45.

FICHA DO JOGO

Atlético-PR: Weverton; Jonathan, Wanderson, Thiago Heleno e Fabrício; Pavez e Lucho González (Matheus Rossetto); Nikão, Felipe Gedoz (Sidcley) e Pablo (Matheus Anjos); Ribamar.

Fluminense: Júlio César, Mateus Norton, Nogueira, Frazan e Marlon; Marlon Freitas, Richard (Renato) e Wendel; Gustavo Scarpa, Wellington Silva (Peu) e Henrique Dourado (Marcos Júnior).

Gols: 1T: Henrique Dourado aos 47m; 2T: Felipe Gedoz aos 11m, Ribamar aos 34m e Jonathan aos 45m.

Juiz: Raphael Claus (SP).

Cartões amarelos: Wendel, Marlon, Fabrício, Lucho González, Thiago Heleno e Frazan.

Público: 13.404 presentes.

Renda: R$ 206.493,50.

Local: Arena da Baixada.

Sobre O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Aproveite e Veja Também...

Líder Corinthians segura vice Grêmio e mantém nove pontos de frente no Brasileirão

Corinthians e Grêmio empataram em 0 a 0 na noite desta quarta-feira, na arena de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *