Esportes

LaMelo Ball dá show nas bolas de três, e Hornets vencem após apagão dos Rockets

gettyimages-1301105949 LaMelo Ball dá show nas bolas de três, e Hornets vencem após apagão dos Rockets

Eleito o melhor calouro da Conferência Leste nos meses de dezembro e janeiro e grande candidato ao prêmio de melhor novato da temporada 2020-2021, LaMelo Ball deu mais uma mostra de seu potencial para se tornar uma estrela na NBA. Na vitória do Charlotte Hornets sobre o Houston Rockets por 119 a 94, o jovem armador liderou sua equipe com 7 bolas de três (recorde na carreira), 24 pontos, 7 rebotes e 10 assistências.

Além de LaMelo, Miles Bridges e Gordon Hayward também tiveram boa partida pelos Hornets, anotando 19 pontos cada. No Houston Rockets, o melhor em quadra foi Victor Oladipo, com 21 pontos, 7 rebotes e 6 assistências. Num jogo muito equilibrado, o Houston sofreu um apagão no último quarto, marcando apenas 7 pontos. Isso porque a defesa dos Hornets cresceu, gerou ataques fulminantes e desbancou a renomada defesa do rival.

Desfalques importantes

O Houston Rockets foi à quadra com três desfalques importantíssimos: Christian Wood (lesão no tornozelo), John Wall (poupado) e Eric Gordon (poupado). Nos Hornets, Devonte Graham (lesão na virilha) não entrou em quadra.

+ Quem será o MVP da NBA? Confira um ranking de postulantes
+ Saiba tudo sobre o melhor basquete do mundo
+ Veja o ranking dos campeões da NBA

O JOGO

 

1º Quarto – Rockets amassam o aro nos tiros de três, e LaMelo dá show pelos Hornets

Foi um início de jogo frio, com ambos os times errando muito os arremessos e cometendo erros. Só que o Charlotte se encontrou mais rápido, e com bolas de três de Gordon Hayward e LaMelo Ball, abriu 6 pontos de vantagem. Terry Rozier também fazia boa partida e ajuda a manter o time na casa na frente.

Quem mantinha os Rockets na cola dos Hornets era Victor Oladipo, sempre certeiro no ataque à cesta. O time texano, no entanto, tinha um aproveitamento ruim dos arremessos de três e acabou perdendo por 32 a 27 a parcial, que terminou um lance sensacional dos Hornets, protagonizado por Lamelo e Caleb Martin.

LaMelo seguiu inspirado no segundo quarto, abrindo a parcial com uma bola de três. Com Jae’Sean Tate muito ativo no ataque e na defesa e McLemore convertendo uma rara bola de três para os Rockets, o time texano passou à frente. Mas os Hornets voltaram a liderar com um show de LaMelo nos chutes de fora.

Com McLemore fazendo as bolas de três caírem finalmente e uma defesa bastante disruptiva, o Houston conseguiram sua primeira vantagem no jogo maior que dois pontos. Só que no lado anfitrião, Miles Bridges é quem decidia aparecer. Ao fim do primeiro tempo, os Hornets venciam por 64 a 60. McLemora, LaMelo e Hayward tinham 15 pontos cada.

3º Quarto – Houston melhora e equilibra o jogo


Os Hornets terminaram o primeiro tempo melhor e começaram melhor o segundo, abrindo sua maior vantagem na noite, 8 pontos. LaMelo Ball voltava a brilhar, Terry Rozier agredia a cesta, e o Charlotte conseguia manter sua boa vantagem.

Oladipo e Tate voltavam a acelerar e conseguiam conduzir os Rockets à igualdade ao fim do terceiro quarto. Mas num último lance, os Hornets assumiram a liderança numa bola de três, 90 a 87.

4º Quarto – Rockets têm apagão, perdem a parcial por 29 a 7, e caem no fim


Com Miles Bridges incendiando os primeiros minutos do último quarto, o Charlotte se viu em seu melhor momento no jogo ao abrir 10 pontos de frente. A defesa do time do leste também funcionava, gerava transição, contra-ataques letais.

Os Hornets abriam 14 pontos e obrigavam o técnico Stephen Silas a pedir tempo. Restando 6:18 para o fim do jogo, os Hornets venciam o quarto por 12 a 1. A sequência se estendia para 19 a 1 a menos de 5 minutos do fim do jogo. Os Rockets não conseguiram sair do apagão e o Charlotte garantiu a vitória após um grande jogo do calouro LaMelo Ball.

Rockets: 11v e 12d (10º Oeste)
Hornets: 12v e 13d (7º Leste)

+ NBA League Pass: assine e assista onde estiver
+ Veja os produtos oficiais dos times na Loja NBA.com

Trio lidera vitória dos Raptors sobre os Grizzlies

 

Na vitória do Toronto Raptors sobre o Memphis Grizzlies por 128 a 113, o trio Pascal Siakam, Fred VanVleet e Norman Powell foi o grande responsável pelo triunfo do time canadense. Eles anotaram 30, 32 e 29 pontos respectivamente. Os Grizzlies tiveram um bom jogo coletivo, em que 6 jogadores tiveram pelo menos 12 pontos. O destaque do time do oeste foi Jonas Valanciunas, com 27 pontos e 20 rebotes.

Raptors: 11v e 13d (9º Leste)
Grizzlies: 9v e 10d (11º Oeste)

Beal leva a melhor em duelo com LaVine, e Wizards vencem os Bulls

 

A vitória do Washington Wizards sobre o Chicago Bulls por 105 a 101 foi marcada por um duelo entre Bradley Beal e Zach LaVine. Numa noite em que o time da capital americana não teve Russell Westbrook, Beal carregou sua equipe com 35 pontos e 7 assistências. Nos Bulls, Zach LaVine teve grande noite com 35 pontos e 6 assistências.

Wizards: 6v e 15d (14º Leste)
Bulls: 9v e 14d (11º Leste)

  • JAMES HARDEN
  • KEVIN DURANT

Globo Esporte

Etiquetas

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar