Mundo

Anvisa já pensa em importar remdesivir usado nos EUA

anvisa-eua Anvisa já pensa em importar remdesivir usado nos EUA

BRASÍLIA – A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou que vai acompanhar os estudos do medicamento remdesivir, que será testado em pacientes nos Estados Unidos.

Por meio de nota, a agência reguladora declarou que está em contato com a fabricante do remdesivir no exterior, a empresa Gilead, para que possa ter acesso aos resultados da experiência.

Trump é um dos defensores entusiasmados da cloroquina, caminho seguido pelo presidente Jair Bolsonaro, apesar de a droga apresentar uma série de contraindicações e não ter seu resultado efetivamente comprovado.

A agência americana autorizou o uso do remdesivir nos Estados Unidos apenas para tratamento da doença em pacientes hospitalizados em estado grave. “Nos próximos dias, a Anvisa fará reunião com a fabricante para verificar o interesse e a viabilidade do fornecimento do medicamento no Brasil“, declarou a Anvisa.

Gilead, segundo a agência brasileira, tem vários ensaios clínicos em andamento para o remdesivir, com dados iniciais esperados nas próximas semanas. “Caso o benefício do medicamento se comprove, a Anvisa possui mecanismos, como anuência de uso em programa assistencial e priorização de registro, para garantir o acesso célere do medicamento à população.”

remdesivir não possui pedido de registro no Brasil. Até o momento, também não houve solicitação de anuência em pesquisa clínica com o medicamento. Até o momento não houve nenhuma solicitação de autorização de uso do medicamento por meio de Programas Assistenciais (Uso Compassivo e Acesso Expandido).

TERRA

Etiquetas

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar