DestaquesDiversas

Boteco de Feira Apresenta A Calça Trepada Por Nal Nunes

nalnunesnova2-300x217-300x217 Boteco de Feira Apresenta A Calça Trepada Por Nal Nunes

Boteco de Feira Apresenta A Calça Trepada Por Nal Nunes

Apolônio Anastácio foi o matuto mais inteligente que o Cariri criou. Sabendo apenas ferrar o nome foi prefeito de sua cidade natal, Livramento, aqui no Cariri Paraibano. Depois, estabeleceu-se em Monteiro-PB na década de sessenta, aonde viria a ser um próspero fazendeiro, pecuarista, vereador e já no fim da carreira um promissor empreendedor do ramo imobiliário. Era um gênio em tudo que fazia.

Considerado um grande filósofo das caatingas, Apolônio Anastácio deixou registrado célebres frases: “Só piso em merda quando num vejo”. Referindo a conduta correta de um homem de bem. Era extravagante em tudo que construía e com um temperamento peculiar dizia: “Comigo é assim: calça de veludo ou bunda de fora”. No tempo em que usar calça de veludo era sinônimo de riqueza, de elite.

Mais Apolônio Anastácio sempre foi cortês, respeitador e cavalheiro no que tange ao trato com as pessoas, principalmente as mulheres. Nunca se ouviu falar que desrespeitasse nenhuma dama. No entanto, dizia coisas, às vezes absurda quando se olha no sentido pejorativo, um jeito natural próprio do seu ser. Vamos à história.
Na década de setenta havia uma das lojas mais movimentadas era a Loja de Deja, na esquina em frente ao Mercado Público de Monteiro. Naquele tempo as lojas de grife não ostentavam os acessórios modernos (expositores) existentes hoje. Não existiam sequer os grandes cabides conhecidos por “arara”. Lá, eles dependuravam umas calças com fio de nylon puxado de um caibro qualquer do telhado. Na parte debaixo, as confecções ficavam na prateleira de madeira. Era o show ron da época.

Apolônio Anastácio chegou a Loja de Deja e pediu a balconista para mostrar as calças de tergal que servisse ao seu manequim. A moça prontamente mostra uma meia dúzia de calça anunciado o preço.
-Olhe seu Apolônio, estas calças aqui da prateleira custa 30 reais, são ótimas e o preço tá bom.
Apontando para as calças dependurada no caibro disse:
E aquelas ali, são as melhores que temos, custa 50 reais
Apolônio Anastácio que sempre foi um grande negociador, não titubeou:
-Ô moça, vamo fazer um negócio ligeiro, agora?
-Estou as suas ordens seu Apolônio! Disse a moça querendo agradar o freguês
-Quer 30 reais na trepada arrei as calças!!!!!!!

OPIPOCOnal-nunes Boteco de Feira Apresenta A Calça Trepada Por Nal Nunes

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo