Brasil

Com brilho de Paulinho e Neymar, Brasil goleia Uruguai

brasil-300x146 Com brilho de Paulinho e Neymar, Brasil goleia Uruguai

Pela primeira vez na era Tite, a seleção começou perdendo. Mas, com uma bela atuação, aplaudida até pelos torcedores uruguaios, o Brasil teve a tranquilidade para golear, de virada, os tradicionais adversários, por 4 a 1, na noite desta quinta-feira (23), e praticamente garantiu a classificação para a Copa da Rússia.

A vitória foi a sétima seguida de Tite no comando da equipe nacional nas eliminatórias. No total, o treinador já ganhou oito seguidas.

Invicto em casa até então na competição, com seis vitórias, os uruguaios sofreram a primeira derrota como mandante. Eles ainda foram obrigados a ouvir os torcedores brasileiros cantando “olé” no final da partida.

O clássico foi vencido com dois golaços. Paulinho fez os dois primeiros. O terceiro do Brasil foi uma pintura. Neymar aproveitou um chutão de Miranda, ganhou do zagueiro Coates na corrida e encobriu com classe o goleiro adversário. No final, Paulinho fez o quarto do Brasil de peito.

A goleada no lotado Estádio Centenário deixou o Brasil ainda mais isolado na liderança das eliminatórias, com 30 pontos. Os uruguaios permanecem em segundo, com 23 pontos.

Desde o início da história do torneio continental por pontos corridos, nenhuma seleção ficou de fora do Mundial com 30 pontos.

Na terça-feira (28), a seleção enfrenta o Paraguai, no Itaquerão. Restam ainda cinco rodadas para o final do torneio. Os próximos jogos serão disputados em agosto, setembro e outubro.

Freguês do Uruguai no Centenário, o Brasil obteve a quarta vitória no histórico estádio. Os adversários já ganharam oito vezes e empataram dez.

O começo foi difícil para a seleção. O gol adversário foi marcado, de pênalti, por Cavani, logo no início. Ele aproveitou uma falha de Marcelo dentro da área e foi derrubado por Allison. Aos 9min, o atacante do Paris Saint-Germain cobrou rasteiro e fez o primeiro. Foi o segundo gol sofrido pelo time de Tite.

O Brasil não demorou a responder. Aos 19min, o ex-corintiano Paulinho empatou com um chute lindo de fora da área no ângulo esquerdo de Martín Silva.

O gol acalmou a seleção, que começou a se impor. Neymar e Philippe Coutinho levavam o time para frente. Substituto de Gabriel Jesus, Roberto Firmino destoou e teve uma atuação apagada.

No segundo tempo, o Brasil sobrou em campo. Paulinho, duas vezes, e Neymar definiram a goleada. Com o resultado, o técnico uruguaio Oscar Tabárez permanece sem vencer o Brasil.

Ele estabeleceu nesta quinta um novo recorde. Com 168 partidas, superou Sepp Herberger, campeão pela Alemanha da Copa de 1954, e se tornou o treinador com maior números de jogos em uma seleção.

folha

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar