Paraíba

Concessão da Cagepa está vencida e JP também vai avaliar se irá renová-la

CAGEPA-JP-300x225 Concessão da Cagepa está vencida e JP também vai avaliar se irá renová-laA Prefeitura de João Pessoa também avaliará a possibilidade de encerrar a concessão dos serviços de água e esgoto para a Cagepa. O assunto será tratado pelo prefeito Luciano Cartaxo (PSD), quando ele retornar da licença de 15 dias, que acaba logo após o Carnaval. Na Prefeitura de Campina Grande o processo está mais avançado e a Secretaria de Planejamento já avalia modelos de edital de licitação para contratação de uma empresa.

No ‘Correio Debate’, da TV Correio, a jornalista Lena Guimarães revelou essa possibilidade também estudada por João Pessoa. “A Cagepa corre o risco de perder seus maiores mercados, onde estão 30,24% da população da Paraíba”, alertou Lena. Ela aborda o tema em sua coluna na edição desta quarta-feira (22), no jornal Correio da Paraíba.

As concessões das cidades de João Pessoa e Campina Grande para a Cagepa já estão vencidas. O argumento das prefeituras é de que a licitação para parcerias garantirá melhores serviços e tarifas mais baixas.

De acordo com a secretária de Planejamento de João Pessoa, Daniela Bandeira, a concessão para a Cagepa está vencida há muito tempo. Houve um pedido da Cagepa para a renovação, mas o então prefeito Luciano Agra não o atendeu.

Em 2015, Luciano Cartaxo determinou a elaboração de Plano Municipal de Saneamento, que identificou que apenas 40% da cobertura é simultânea (água e esgoto) em João Pessoa. Cartaxo já está com esse estudo em mãos e, nos próximos dias, deve decidir se renova ou não com a Cagepa.

Portal Correio

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar