Destaques

Conselho Estadual de Recursos Hídricos visita obras da transposição do Rio São Francisco

03_05_16-aesa-e-orgaos-do-governo-visitam-obras-da-transposicao_foto-walter-rafael-2-270x191 Conselho Estadual de Recursos Hídricos visita obras da transposição do Rio São Francisco

Uma equipe de técnicos paraibanos e integrantes do Conselho Estadual de Recursos Hídricos (CERH), sob a coordenação da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), visitou durante dois dias as obras de transposição das águas do Rio São Francisco para o Nordeste Setentrional, região mais seca do Semiárido nordestino.

Os técnicos visitaram o Eixo Norte da obra, que alcança a Paraíba pelo município de São José de Piranhas, Alto Sertão do Estado, e parte do Eixo Leste, cuja entrada se dá no município de Monteiro, no cariri paraibano.

Segundo o engenheiro do Ministério da Integração Nacional, Jorge Massuyama, as obras cumprem o cronograma estabelecido e as construtoras estão anunciando que devem entregar seus trechos dentro do prazo acertado.

A notícia foi comemorada pelo presidente da Aesa e do CERH, João Fernandes, que constatou in loco o ritmo acelerado da obra. “Essa é uma boa notícia para nós que fazemos a Aesa, na Paraíba, pois o estado tem necessidade dessa água com urgência, diante da gravidade da situação hídrica que enfrentamos”, comentou.

Com os equipamentos em operação, os dois eixos do projeto apresentam execução de 87,2% (Norte) e 83,2% (Leste). A obra é construída por etapas e os cronogramas de execução do empreendimento priorizam a sequência construtiva do “Caminho das águas”, ou seja, das captações até os estados que serão beneficiados.

Além dos 477 quilômetros de obras lineares projetadas, o empreendimento engloba a construção de quatro túneis (um dos quais com 15 km de extensão), 14 aquedutos, nove estações de bombeamento e 27 reservatórios.

As duas tomadas de água, uma em Cabrobó (PE), que vai abastecer o Eixo Norte, e a outra na Barragem de Itaparica, em Floresta (PE), já estão prontas, foram testadas e estão em funcionamento. A equipe de técnicos visitou a elevatória em Cabrobó e ficou encantada com o porte da obra.

Tida como a maior obra de infraestrutura hídrica do Brasil, o projeto de Integração do Rio São Francisco, beneficiará mais de 12 milhões de brasileiros em 390 cidades dos estados de Pernambuco, Ceará, Paraíba e Rio Grande do Norte. A expectativa é concluir a totalidade do empreendimento até o início de 2017.

– See more at: http://paraiba.pb.gov.br/conselho-estadual-de-recursos-hidricos-visita-obras-da-transposicao-do-rio-sao-francisco/#sthash.mogl2OnO.dpuf

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar