CidadesDestaques

Cultura popular relembra aniversário da cascavel do repente Pinto do Monteiro

 

pinto-1-255x300 Cultura popular relembra aniversário da cascavel do repente Pinto do Monteiro

Severino Lourenço da Silva Pinto, o Pinto do Monteiro, foi um poeta superlativo. Astuta raposa, cobra das mais venenosas. O seu poder de criação e a velocidade de raciocínio muitas vezes faziam as palavras tropeçarem umas nas outras, não pelo verso quebrado, absolutamente, mas quase engolindo sílabas, dada a ligeireza dos versos despejados em turbilhão. Autor de versos contundentes, tudo nele transpirava grandiosidade. Foi um gênio da cantoria.

Filho de um tropeiro com uma doméstica, Pinto experimentou muitas profissões, antes de se dedicar inteiramente à viola. A primeira foi de vaqueiro. Foi soldado de polícia, guarda de serviço contra a malária, auxiliar de enfermeiro, vendedor de cuscuz no Recife. Nesta quarta-feira, 21 de novembro, se vivo estivesse, o cascavel do repente estaria completando 123 anos.

Para alegria dos amantes da cultura popular, Pinto deixou sua voz registrada em dois LP’s — Pinto do Monteiro: Vida, Poesia e Verdade, produzido pela Fundação Joaquim Nabuco, e Pinto de Monteiro e Zé Pequeno: acelerando as asas do juízo, selo independente. Há, ainda, sua imagem e voz em inúmeras fitas de vídeo, Super-8, cassete, cinema.

E é neste clima de saudade e admiração que a prefeita Anna Lorena, juntamente com o prefeito em exercício, Celecileno Alves fazem questão de homenagear aquele que agrega à cidade um imenso valor cultural em mensagem:

“Perpetuado em nossa memória, em nossas ruas e em um Campus de Universidade, temos a saudosa lembrança daquele que levou o repente e a cultura popular da cidade de Monteiro à níveis de referência.

Imortalizado na contribuição, talvez jamais teremos outro artista de imensa genialidade como o nosso Pinto do Monteiro e hoje a cidade de Monteiro relembra seu aniversário, a memória e identidade cultural do nosso povo descritos em seus versos de enorme maestria.

Neste 21 de novembro nosso orgulho e nossa cultura estão em festa!”

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo