Esportes

LIBERTADORES: Grêmio classifica nos pênaltis e pega Tucumán; Santos eliminado

0f87016947a24f50d0b643ee30e30104-300x169 LIBERTADORES: Grêmio classifica nos pênaltis e pega Tucumán; Santos eliminado

Três times carimbaram classificação às quartas de final da Copa Libertadores nesta terça-feira. Com a ajuda do ‘tapetão’, o Santos foi eliminado ao ficar no empate sem gols diante do Independiente. Já o Grêmio avançou ao bater o Estudiantes por 2 a 1 no tempo normal e 5 a 3 nos pênaltis, em um jogo recheado de emoção. Por fim, o Atlético Tucumán perdeu para o Atlético Nacional por 1 a 0, mas também carimbou a vaga.

O Grêmio já conheceu seu adversário na próxima fase. O time gaúcho encara o Atlético Tucumán. Como tem melhor campanha do que o rival, fará o segundo jogo em casa. Já o Independiente aguarda o confronto entre Racing e River Plate. Na partida de ida, empatam sem gols.

PEIXE ELIMINADO NO ‘TAPETÃO’
O Santos tinha uma missão quase impossível na noite desta terça-feira: reverter a enorme vantagem do Independiente conquistada em um contestado julgamento da Conmebol. Apesar do 0 a 0 no jogo de ida, na Argentina, a entidade sul-americana oficializou a vitória adversária por 3 a 0 porque o time brasileiro escalou Carlos Sánchez de maneira irregular.

Obviamente os santistas protestaram de todas as formas e prometeram ir à Fifa e à Corte Arbitral do Esporte (CAS), mas o time entrou em campo para fazer quatro gols de diferença para avançar às quartas de final da Copa Libertadores. Mesmo os mais otimistas sabiam que era complicado, mesmo em casa, no Pacaembu, aplicar uma goleada em um time bem arrumado.

Nos minutos finais, a torcida santista se revoltou. Atirou bombas no campo, tentou invadir o gramado (alguns conseguiram e foram presos) e promoveu um quebra-quebra no estádio, com grades arrancadas e cadeiras arremessadas no campo. O juiz optou, por questões de segurança, encerrar o duelo aos 35 minutos quando o placar marcava 0 a 0.

ATLÉTICO TUCUMÁN FAZENDO HISTÓRIA
O Atlético Tucumán fez história na noite desta terça-feira mesmo perdendo para Atlético Nacional por 1 a 0, na Colômbia. Pela primeira vez, o time argentino chegou nas quartas de final da Copa Libertadores da América, mérito conquistado na Argentina, quando venceu por 2 a 0.

No Atanasio Girardo, o Atlético Nacional assustou ao abrir o marcador logo aos 12 minutos, com Wanderson. Mas o Tucumán se fechou, correu como nunca e acabou conseguindo segurar a equipe colombiana, que perdeu inúmeros de gols e acabou eliminado.

IMORTAL!
O Grêmio pressionou o jogo inteiro, mas foi conseguir o gol salvador aos 47 minutos do segundo tempo, marcado por Alisson. Venceu o Estudiantes no tempo regulamentar por 2 a 1 nesta terça-feira, na Arena Grêmio, e mandou a decisão para os pênaltis, pois os argentinos haviam vencido pelo mesmo placar no jogo de ida.

Nas penalidades, venceu por 5 a 3 e avançou às quartas de final. Os cinco cobradores do time tricolor marcaram: Maicon, Everton, Jael, Alisson e André, que bateu o pênalti decisivo. Pelo lado argentino, Campi isolou a segunda cobrança e colocou a equipe brasileira na próxima fase.

Por Agência Futebol Interior

Etiquetas

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar