Paraíba

Em sua coluna semanal o jornalista Simorion Matos alerta sobre a diminuição no volume das águas da transposição

Simorion4-300x295 Em sua coluna semanal o jornalista Simorion Matos alerta sobre a diminuição no volume das águas da transposição

POUCA ÁGUA

Quem acompanha a passagem das águas da transposição do rio São Francisco em Monteiro desde o dia em que a obra foi entregue e dada por inaugurada, percebe claramente que o volume do precioso líquido despejado no Rio Paraíba com destino ao açude de Boqueirão está bastante reduzido, comparando-se a vazão atual com a que era oferecida no mês de março.
Vendo o quadro com uma visão realista sem a mazela da paixão política, podemos afirmar que, enquanto para fornecer água a Campina Grande o açude Epitácio Pessoa depender das águas do Velho  Chico,  uma possível suspensão do racionamento no abastecimento de Campina Grande, que vem sendo admitido, deve ser repensada com muita responsabilidade.
VAZÃO E CONSUMO
Para se chegar à conclusão de que não tem lógica a suspensão do racionamento em Campina Grande no momento atual, não precisa ser doutor no assunto. Basta lembrar a lógica de que se o consumo é aumentado enquanto a vazão oferecida não cresce, a tendência é faltar água.
A prudência faz  lembrar quer é melhor ter POUCO hoje do que NADA amanhã.
CIDADE MOVIMENTADA
Centenas de pessoas oriundas de outras cidades “invadiram” Monteiro no final de semana, participando do concurso público realizado pela Prefeitura. Os restaurantes, bares e lanchonetes estiveram bem movimentados e com isto a economia do município registrou ganhos consideráveis.
Participantes do concurso elogiaram a organização do evento.
INTERNET COM QUALIDADE                                                            
O provedor de internet Cariri Web vem ampliando bastante a quantidade de clientes nas cidades da região. Os empresários Murilo Barros e Sitanga Soares têm feito grandes investimentos em equipamentos e material humano.
Em Monteiro, o gerente Thyago Raonny vem sendo bastante elogiado pela qualidade do atendimento, o mesmo acontecendo em Sumé, Serra Branca e outras cidades.
APOIO LEGISLATIVO
O jornalista Fred Menezes, Secretário de Comunicação da Prefeitura de Monteiro, considera muito positivo e salutar o excelente relacionamento da prefeita Anna Lorena com a Câmara Municipal. A prefeita tem contado com o apoio unânime dos parlamentares municipais e inclusive vem sendo elogiada até pelos vereadores da oposição.
Tendo sido vice-prefeito, vereador e presidente da Câmara, Fred Menezes sabe do quanto é importante a boa convivência entre o poder executivo e poder legislativo.
“O fato de Lorena ter sido vereadora e a forma participativa como ela administra, contribui muito para  essa boa convivência, que é muito importante para o município”, comentou o secretário.
FORA DO PÁREO
Ao conceder entrevista ao Primeiro Jornal, da Rádio 104 FM de Monteiro, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) afirmou que não pretende ser candidato ao governo da Paraíba nas eleições de 2018, preferindo disputar a reeleição para senador.
Com a decisão do tucano, o mais provável concorrente ao Palácio da Redenção pelas oposições poderá ser o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues ou o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo. Um deles deverá enfrentar João Azevedo, candidato do governador Ricardo Coutinho.
PENSAMENTO DA SEMANA:                                                                                              
“Quer? Então faça acontecer, porque a única coisa que cai do céu é a chuva.”
(Vinícius de Moraes)
COISAS & CASOS
Esta me foi enviada pelo apologista monteirense Lúcio Wellington Amador, meu contemporâneo de colégio e que dividiu comigo, nos anos 60, muitas travessuras contrariando nossa grande mestra Isabel Feitosa;
Do poeta pajeuzeiro Rogaciano Leite:
EULÁLIA
Deixei-a solitária, por uns dias,
Enquanto melhorava do ciúme,
E saí pra evitar muitas porfias
Que entre nós já se davam — de costume.
Nesse tempo eu andava arrumado!
As brigas entre nós, frequentemente,
Transformaram a abelha do passado
Numa aranha de dor — sempre presente!
Então o inseto que fazia, outrora,
Mel de carícias na feliz colmeia,
Vinha fazendo entre nós dois, agora,
O fel da vida — numa horrível teia!
Corri mundos… andei por terra estranha
Procurando renúncia, esquecimento…
Mas dia-a-dia se infiltrava a aranha
Na teia enorme do meu pensamento!
Mandava-lhe presentes de onde estava,
Escrevia-lhe cartas carinhosas
Pedindo que esperasse que eu voltava
E novamente nasceriam rosas…
Mas, uma noite, (Triste noite, amigo!)
Eu entrei num Cassino.. . (Que amargura!)
Ai! Não chores de ouvir o que te digo
Nem te rias da minha desventura!
A sala estava cheia do cinismo
Dos que, no vício, vão matar a sede. ..
Era um antro de fumo e de alcoolismo,
Com visões sensuais pela parede!
Um perfume de bétulas e sândalos
Rescendia da carne em sedas finas,
E a luz — envergonhada dos escândalos —
Parecia tremer… sob as cortinas!
A dona do Cassino, a abelha-mestra
Do cortiço infeliz, torpe e devasso,
Dava bebida aos maganões da orquestra
E mandava agitar sempre o compasso…
Enquanto os instrumentos gargalhavam
Na frivolência do pagode insano,
Eu distinguia as notas que choravam
Nas cordas ultrajadas de um piano!
Mais tarde, (Era o intervalo do pecado!)
Enquanto a orquestra demorava o ensaio,
A pianista, curvando-se ao teclado,
Dedilhava a canção ROSA DE MAIO…
Era aquela canção — quando partimos —
A que Eulália tocava todo mês…
Pois foi no mês de maio que nos vimos,
Eulália e eu — pela primeira vez!
Recordação. .. Saudade… Sofrimento…
Aproximei-me sem saber por quê…
— Era Eulália que estava no instrumento!
Sim, Eulália… vestida de “soirée”!
Quando me viu eu vi também seu vulto
Afogar-se nas brumas de um desmaio…
E até hoje em minh’alma um piano oculto
Vive sempre a tocar ROSA DE MAIO!…
Contatos com a coluna: [email protected]
VITRINE DO CARIRI
Por Simorion Matos

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar