Mundo

Mulher conversa com homem casado e é queimada

1ypm8vaz3a_9d3acq6k1o_file-534x302-300x170 Mulher conversa com homem casado e é queimada

Uma mulher foi atacada e sofreu queimaduras de terceiro grau em 60% do corpo, após ser acusada de ter dormido com o marido de outra em uma festa que ocorreu há 25 anos atrás, em que eles apenas conversaram. As informações são do jornal britânico The Sun.

Dana Vulin, agora com 32 anos, foi atacada em fevereiro de 2012 por Natalie Dimitrovska. A moradora de Perth, na Austrália, resolveu compartilhar sua história em um livro chamado “ Vale a pena lutar”.

Dana estava dormindo no sofá quando Natalie e um amigo Daniel Stone, invadiram a sua casa exigindo saber onde estava o marido de Dimitrovska. No dia, Daniel ameaçou estuprar e matar Dana.

No livro, ela explica como Natalie pegou uma garrafa de produto de limpeza, tirou a tampa e atirou sobre o rosto, os braços e o peito.

— De repente, o mundo inteiro estava em chamas. As chamas estavam em todo lugar: meus ombros, meu estômago – apenas meus seios estavam protegidos pelo meu minúsculo sutiã

Ela conta que gritou o mais alto que podia e, eventualmente, um homem, chamado Denis Ericson, que estava trabalhando em uma academia próxima, foi ver o que estava acontecendo. Denis chamou uma ambulância e Dana ficou em como no hospital por dois dias.

Dana passou por mais de 200 procedimentos cirúrgicos desde o ataque, e durante dois anos e meio precisou usar uma máscara de compressão no rosto, para ajudar a pele a curar.

R7

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar