Esportes

Nos pênaltis, Flamengo perde Taça Asa Branca para o Ceará

622_343c033d-c6c4-36fa-be13-f67d385e8c69-300x169 Nos pênaltis, Flamengo perde Taça Asa Branca para o CearáApós empate por 3 a 3 no tempo normal, o Flamengo levou a pior na disputa por pênaltis e perdeu por 4 a 3 para o Ceará, que ficou com a Taça Asa Branca, nesta quinta-feira, na Arena Castelão. Este foi o primeiro teste dos rubro-negros sob o comando do técnico Muricy Ramalho, que pôde ver a estreia do argentino Mancuello.

No primeiro tempo, o Ceará, com os titulares, levou a melhor com gol de Siloé. Na etapa final, os donos da casa fizeram o segundo com Bill, mas viram o Flamengo virar com gols de Emerson Sheik, Marcelo Cirino e Salazar, contra. Só que os cearenses chegaram ao terceiro com Serginho. Nos pênaltis, Wallace e Paolo Guerrero desperdiçaram suas cobranças e decretaram a derrota.

O Flamengo segue pelo Nordeste, onde vai realizar novo amistoso, no domingo, contra o Santa Cruz, em Recife.

O jogo – O Flamengo começou a partida já criando uma boa chance logo com dois minutos. Após cobrança de falta na área, Guerrero se antecipou ao zagueiro e tocou para o gol, mas a bola passou próximo a trave e foi para fora. A resposta do Ceará veio somente aos dez. Siloé foi lançado e chutou cruzado, só que Paulo Victor estava atento para fazer boa defesa.

O Ceará melhorou após o lance e passou a pressionar o Flamengo. Aos 22 minutos, após saída errada da zaga, Alex Amado chutou para nova defesa de Paulo Victor. Só que aos 25, os cearenses chegaram o gol na Arena Castelão. Guilherme Biteco acionou Siloé na área. O atacante levou a melhor sobre Wallace e chutou sem chance para Paulo Victor.

Mesmo após o gol, o Ceará seguiu melhor em campo. Tanto que aos 29 minutos, Alex Amado tocou para Siloé na área, mas desta vez o atacante errou o alvo e colocou para fora. No entanto, os cearenses diminuíram o ritmo e permitiram que o Flamengo con equlibrasse o confronto nos últimos minutos. Mesmo assim, os donos da casa foram para o intervalo com a vantagem no placar.

No segundo tempo, com a equipe totalmente modificada, o Ceará marcou o segundo gol logo aos três minutos. Assisinho cruza rasteiro na área e Bill só teve o trabalho de colocar para a rede. Os rubro-negros reclamaram muito com arbitragem alegando impedimento do atacante.

Depois disso, os donos da casa passaram a administrar o resultado, mas viu o Flamengo marcar seu primeiro gol aos 13 minutos. O recém-contratado Mancuello lançou Emerson Sheik na área. O atacante dominou a bola e finalizou para a rede.

O Flamengo ganhou ânimo após o gol e passou a pressionar o Ceará. Aos 22 minutos, Marcelo Cirino cruzou pela direita, Guerrero cabeceou, mas viu o goleiro Douglas fazer grande defesa para salvar os cearenses.

Com o passar do tempo, os rubro-negros aumentaram a pressão. O Ceará pouco chegava ao ataque e se preocupava mais em se defender. Aos 35 minutos, após boa trocas de passes, Emerson Shelik chutou para fora. No entanto, dois minutos depois, o Flamengo chegou ao empate. Emerson cruzou para Guerrero, só que o zagueiro Salazar tentou cortar e acabou colocando para a própria rede.

Nos minutos finais, o confronto ganhou ainda mais emoção. Aos 41 minutos, Marcelo Cirino aproveitou cruzamento de Chiquinho e colocou para a rede. Só que no minuto seguinte, o meia Serginho acertou belo chute e deixou o placar empatado novamente.

Com isso, o duelo foi decidido na disputa de pênaltis. Nas cobranças, Wallace e Paolo Guerrero perderam suas cobranças e decretaram a derrota rubro-negra para os cearenses.

Etiquetas

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar