Esportes

Pontaria prejudica o Flamengo, que nos últimos três jogos finalizou 51 vezes e fez só um gol

everton-ribeiro-contra-o-ceara Pontaria prejudica o Flamengo, que nos últimos três jogos finalizou 51 vezes e fez só um gol

O Flamengo não venceu seus últimos três jogos, não teve um bom desempenho e viu a disputa pelo título ficar mais difícil. Para tentar vencer o Goiás na próxima rodada, o técnico Rogério Ceni busca soluções. Mas qual o principal motivo para queda de rendimento após seis partidas de invencibilidade?

100 Pontaria prejudica o Flamengo, que nos últimos três jogos finalizou 51 vezes e fez só um gol

Gabigol começou no banco contra o Ceará e só teve uma boa chance na partida — Foto: André Durão / ge

Os números dão um panorama do que foi o Flamengo contra Fortaleza, Fluminense e Ceará: o time teve o total de 51 finalizações, mais do que sua média no campeonato, mas fez apenas um gol. Pontaria muito ruim. Antes destes últimos três jogos, a equipe precisava de, em média, nove finalizações para fazer um gol, segundo dados do Espião Estatístico*.

– Os times adversários aproveitam as poucas oportunidades que têm e convertem em gol. A bola entrar ou não é difícil responder o porquê. Time joga contra adversários fechados e isso é mais difícil. Temos tentado de tudo, mas infelizmente não vem dando certo e a responsabilidade é minha – disse Ceni após a derrota para o Ceará.

Apesar das críticas – inclusive de Rogério Ceni – sobre a apatia do time, principalmente no primeiro tempo contra o Ceará, isso não se traduziu no número de desarmes, por exemplo. Nos últimos três jogos a média foi de 20, e no restante do Brasileiro, 15.

Flamengo nos últimos 3 jogos:

  • 1 gol marcado (0,33/jogo)
  • 4 gols sofridos (1,33/jogo)
  • 51 finalizações (17/jogo)
  • 1 gol a cada 51 finalizações
  • 60 desarmes (20/jogo)

 

Flamengo no Brasileirão 2020 em 28 jogos:

  • 47 gols marcados (1,68/jogo)
  • 39 gols sofridos (1,39/jogo)
  • 424 finalizações (15,1/jogo)
  • 1 gol a cada 9 finalizações
  • 424 desarmes (15,1/jogo)

 

Everton Ribeiro também tem queda de rendimento

Motorzinho e um dos pilares do setor criativo do Flamengo, Everton Ribeiro passa por uma má fase técnica, que se acentuou nas últimas três partidas e influenciou no desempenho coletivo do Flamengo.

Contra Fortaleza, Fluminense e Ceará, o camisa 7 teve queda em quase todos os fundamentos em comparação com sua média no Brasileiro: além de não ter feito gol ou dado assistência, teve menos finalizações e passes para finalizações.

– Na minha concepção é um atleta diferenciado. Pode não estar produzindo o que produziu no auge, mas é muito importante – disse Ceni.

Everton Ribeiro nos últimos 3 jogos:

  • 239 minutos em campo (80 minutos/jogo)
  • Nenhum gol ou assistência
  • 4 finalizações (1,33/jogo)
  • 3 assistências para finalizações (1/jogo)

 

Everton Ribeiro no Brasileirão 2020:

  • 23 jogos (21x titular, 2x reserva)
  • 1.886 minutos em campo (82 minutos/jogo)
  • 6 gols
  • 2 assistências
  • 35 finalizações (1,5/jogo)
  • 36 assistências para finalizações (1,6/jogo)

Na próxima segunda-feira, o Flamengo enfrenta o Goiás, no estádio da Serrinha. A equipe está em quarto lugar com 49 pontos, sete a menos do que o líder São Paulo, mas tem um jogo a menos – o duelo com o Grêmio, válido pela 23ª rodada.

*A equipe do Espião Estatístico é formada por: Bruno Saldanha, Caio Carvalho, Guilherme Maniaudet, Guilherme Marçal, Leandro Silva, Roberto Maleson e Valmir Storti.

Globo Esporte

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo