DestaquesPolítica

Prefeito e vice de Pocinhos podem ser cassados e também multados

claudio-chaves-Pocinhos-768x576-507x380 Prefeito e vice de Pocinhos podem ser cassados e também multados

Imagem: Cláudio / divulgação

Ministério Público Eleitoral se manifestou pelo provimento do recurso interposto pela ex-candidata a prefeita de Pocinhos, Eliane Galdino, para reformar sentença de primeiro grau para cassar o mandato do prefeito Cláudio Chaves Costa e da vice-prefeita Maísa Souto, e aplicação de multa.

Eliane interpôs recurso após a sentença proferida pelo Juízo Eleitoral da 50ª Zona Eleitoral – Pocinhos, que julgou improcedentes os pedidos formulados na Ação de Investigação Judicial Eleitoral  – AIJE – nas eleições de 2016.

De acordo com a denúncia, o prefeito e a vice de Pocinhos teriam praticado captação ilícita de sufrágio, conduta vedada e abuso de poder, mediante nomeação/contratação e pagamento de vantagens aos servidores no ano eleitoral.

– Diante do exposto, o Ministério Público Eleitoral manifesta-se pelo provimento parcial do recurso interposto por Eliane Moura dos Santos Galdino, para reformar sentença de primeiro grau e aplicar ao Sr. Cláudio Chaves Costa a multa prevista – descreveu o procurador Regional Eleitoral, Victor Carvalho Veggi, em 7 de fevereiro de 2019.

De acordo com a denúncia, o prefeito e a vice de Pocinhos teriam praticado captação ilícita de sufrágio, conduta vedada e abuso de poder, mediante nomeação/contratação e pagamento de vantagens aos servidores no ano eleitoral.

Fonte: SeLigaPB

Etiquetas

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar