DestaquesPolítica

Ruy quer juntar Cartaxo, Romero, Cássio e Maranhão na convenção do PSDB

redimensiona-300x153 Ruy quer juntar Cartaxo, Romero, Cássio e Maranhão na convenção do PSDB

O presidente estadual do PSDB, Ruy Carneiro, quer unir na convenção do partido, neste sábado (11), as principais lideranças da oposição. Para o encontro, no auditório da Asplan, em João Pessoa, foram convidados os prefeitos de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), e Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB). São esperados também os senadores Cássio Cunha Lima (PSDB) e José Maranhão (PMDB). Todos são listados como pré-candidatos ao governo contra o nome que será indicado pelo governador Ricardo Coutinho (PSB). O governista na disputa deverá ser João Azevedo.

O outro senador paraibano, Raimundo Lira (PMDB), também foi convidado, mas alegou problemas de agenda. O peemedebista é visto como aliado de primeira hora de Ricardo Coutinho, porém, recentemente, manteve reuniões com oposicionistas. Ele esteve com Romero Rodrigues e com o vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior (PMDB). A ida de José Maranhão também não está certa. “Eu fiz o convite e espero que ele confirme”, disse Carneiro. O tucano destaca afinidades entre os partidos que figuram na oposição e alega que eles poderão contribuir com um novo governo, caso eles consigam vencer o pleito.

Ruy Carneiro diz que a presença dos aliados tende a fortalecer o apelo eleitoral do grupo. “Minha preocupação, com os convites, é prestigiar a convenção e, logicamente, a aliança. Cuido muito disso porque simpatizo com essa tese e minha experiência de vida demonstra a necessidade de uma aliança com essa envergadura para a vitória”, diz o tucano, para quem houve exaustão do modelo socialista. “Minha visão é que o atual governo encerrou o ciclo e tem coisas feitas e muitas malfeitas. Problemas sérios nas áreas de segurança, saúde e na UEPB (Universidade Estadual da Paraíba)”, acrescentou.

Desestimulante

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), vem à convenção do partido na mesma semana em que causou desconforto após declarações políticas. Durante entrevista, ele se disse desestimulado com a política. Para justificar, citou os acontecimentos nacionais e locais. Ele gerou polêmica ao afirmar que as candidaturas na Paraíba, no ano que vem, serão registradas na Central de Polícia e não no Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Jornal da Paraíba.

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar