DestaquesEsportes

Tabajara e Aga de Monteiro disputam campeonato de botões em Sumé.

IMG_20200805_123042 Tabajara e Aga de Monteiro disputam campeonato de botões em Sumé.Duas das principais equipes de futebol do Cariri, Tabajara e Aga, que tantas emoções proporcionaram aos desportistas, agora voltam a competir juntas em mais campeonato, dessa vez no futebol de botão.

É que em agosto de 2019 foi fundada na cidade de Sumé a Liga independente de botão sumeense, tendo como presidente Júnior Félix, sendo o monteirense radicado em Sumé, Zito Júnior, como um dos grandes colaboradores.

Inclusive, foi Zito Júnior um torcedor apaixonado pelo Tabajara de Monteiro que teve a ideia de transformar Tabajara e Aga em equipes de botão e incluiu os dois times no campeonato denominado de Torneio do isolamento que acontece em Sumé.

Além de Tabajara e Aga, também disputam a competição o Cosmos NY, e juventus Itália. Na estreia o Tabajara perdeu por 7 x 4 pra o juventus, enquanto Aga e Cosmos empataram em 4 x 4.

De acordo com o presidente do Tabajara, o advogado J. Júnior, que também na infância foi jogador de botão, a iniciativa de transformar Tabajara e Aga em equipes de botão é gratificante para essa duas equipes que ainda hoje mantém suas tradições na lembrança de todos os desportistas na região do Cariri.

Jota Júnior ainda parabenizou Zito Júnior e todos os integrantes da liga sumeense de botão pelo resgate da prática do futebol de botão.

J. Júnior ainda adiantou que está articulando junto a secretaria de esportes de Monteiro e o empresário Paulo Bezerra da casa progresso, a realização de uma competição dessa modalidade esportiva em Monteiro.

Etiquetas

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar