Política

Enquanto PSOL/PB presta solidariedade, deputado do PSL paraibano diz que Jean Wyllys não sofre ameças

Enquanto PSOL/PB presta solidariedade, deputado do PSL paraibano diz que Jean Wyllys não sofre ameças 1

O anúncio do deputado federal reeleito pelo Rio de Janeiro,  Jean Wilys (PSOL) de que não vai assumir o mandato por contas de ameaças de morte que vem sofrendo continuam repercutindo na Paraíba. Enquanto o PSOL no Estado lamenta e se solidariza com o correligionário, o deputado estadual Cabo Gilberto eleito pelo PSL) questiona a veracidade das afirmações.

Para ele, Jean Wilys (PSOL-RJ) não possui sequer provas que está sendo ameaçado. Ele disse ainda que essa decisão do parlamentr não merece ser associada ao novo governo Bolsonaro.

“Essa questão que ele sustenta de ser homossexual e esta recebendo ameaças não tem nada a ver. Eu acho que o nosso país, com certeza absoluta, realmente melhorou bastante com relação a isso, todos nós somos iguais perante a lei, independentemente de ser homossexual ou não, o que vale é o respeito”, disse.

A posse dos deputados federais eleitos está marcada para 1º de fevereiro. Jean Wyllys recebeu 24.295 votos na eleição de outubro e só reconquistou o mandato por conta do quociente eleitoral.

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
error: Não Permitido!
Fechar