Paraíba

Duas mulheres são mantidas em cárcere privado para pagar dívida em Campina Grande

pop-300x171 Duas mulheres são mantidas em cárcere privado para pagar dívida em Campina Grande

Duas mulheres estavam sendo mantidas em cárcere privado, em Campina Grande, enquanto pagavam uma dívida a dona de um bar. A Polícia Militar conseguiu prender a suspeita na noite da quinta-feira (22), mas ela nega as acusações.

Doraci dos Santos Macedo, de 56 anos, mantem um estabelecimento na Rodoviária Velha, em Campina Grande. Quando os policiais chegaram até o local, identificou que funcionava como uma casa de prostituição.

As mulheres vítimas têm 24 e 40 anos e estavam sendo mantidas dentro de quartos com janelas e portas gradeadas e com cadeados. Com a chegada da Polícia Militar, Doraci dos Santos reagiu e desacatou os policiais, motivo pelo qual também foi presa.

De acordo com depoimentos das vítimas, elas se prostituíam no local para pagar uma dívida com a dona do local. Doraci dos Santos foi presa e encaminhada à Central de Polícia.

G1

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar