DestaquesPolítica

EM MONTEIRO: Justiça reconhece legalidade de pesquisa e proíbe que coligação divulgue que ela é mentirosa

martelojus-300x225-300x225 EM MONTEIRO: Justiça reconhece legalidade de pesquisa e proíbe que coligação divulgue que ela é mentirosa

A Justiça Eleitoral reconheceu a validade de pesquisa eleitoral divulgada recentemente na cidade de Monteiro que aponta a preferência do eleitorado entrevistado para a candidata a prefeita Lorena de Dr. Chico (PSDB) e Celecileno Alves (PSD), e proibiu que seja divulgado que a mesma é mentirosa.

Em decisão, o Juiz Fábio José de Oliveira Araújo proibiu a coligação Juntos Somos Mais Fortes, que tem como candidato a prefeito Juraci Conrado (PSB) e vice Paulo Sérgio (PP), da veiculação em carros de som ou outros meios, de que a pesquisa eleitoral registrada sob o número (PB00265/2016) contém ‘mentiras disfarçadas em números’.

Caso descumprida a determinação, o Juiz destacou que a pena será a apreensão imediata dos carros de som e de multa, sem prejuízo das sanções penais cabíveis. A representação tem o número 388-28.2016.6.15.0029 e foi feita pela Coligação ‘O Trabalho Continua’.

GUIA ELEITORAL
Em outro pedido de liminar apresentado pela Coligação ‘O Trabalho Continua’, a Justiça Eleitoral determinou que a Coligação ‘Juntos Somos Mais Fortes’ corrija seu guia eleitoral, no prazo de 24h, sob a pena de suspensão, para fazer incluir a indicação dos partidos que a compõem.

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar