Paraíba

Terceirização pode ser saída para governo evitar privatização da Cagepa

17137436280003622710000-1-300x225 Terceirização pode ser saída para governo evitar privatização da Cagepa

O governador Ricardo Coutinho (PSB) deve anunciar, nesta terça-feira (4), algumas medidas que adotará para tentar evitar o processo de privatização da Companhia de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa). A alternativa pode ser a terceirização dos seus serviços, caminho aberto a partir da aprovação da lei encaminhada pelo presidente da República, Michel Temer, e aprovada no Congresso Nacional.

Em nota da Secretaria de Comunicação Institucional, o governador convocou a entrevista coletiva para o Palácio da Redenção. A nota não deixa clara a posição que o governo do estado irá adotar. O governo federal tem dito que só ajudará a socorrer os estados, caso eles se comprometam a se desfazer das empresas de energia, de água e esgoto.

Sindicalistas da Cagepa, em redes sociais, revelaram que em reunião interna, no dia 22 de março, o governador teria dito que seria necessária uma série de providências para evitar a privatização. Dentre elas estaria o congelamento de salários e a criação de um novo PCCR da categoria, além da redução do número de empregados cedidos ao sindicato, além da exoneração de vários servidores.

Na entrevista coletiva, Ricardo Coutinho prestará esclarecimentos sobre o futuro da Companhia de Água e Esgoto da Paraíba. Embora o governador não tenha se pronunciado publicamente sobre o assunto, a expectativa é de que ele possa anunciar a abertura de um processo de terceirização da companhia.

Portal correio

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar