Você não tem permissão para copiar esta notícia entre em contato com os administradores do Google.
Início / Mundo / Jovem ataca passageiro de trem com marchado e é morto pela polícia

Jovem ataca passageiro de trem com marchado e é morto pela polícia

Ataque-a-Trem-310x245

Segundo o governo da Baviera, o jovem afegão que atacou um trem com um machado gritou “Allahu akbar”, “Deus é grande” em árabe.

O suspeito, de 17 anos, invadiu um trem com destino a Wurzburg, no centro-sul da Alemanha, com um machado e feriu quatro pessoas, sendo três gravemente.

Inicialmente, a imprensa alemã havia divulgado que 20 indivíduos teriam ficado feridos, mas esse era o número de passageiros da composição. A agressão ocorreu por volta das 22h10 (horário local) desta segunda-feira (18), e o agressor foi morto pela polícia.

Ainda não se sabe o que teria motivado o ataque, mas ele pode reacender o debate sobre as políticas de acolhimento adotadas pelo governo da chanceler Angela Merkel. No início do ano, sua decisão de receber milhares de refugiados já havia sido bastante criticada após a onda de abusos sexuais registrada em Colônia na noite de Ano Novo.

Foram ao todo mais de 90 denúncias de assédio, alguns deles cometidos por imigrantes recebidos pela Alemanha como refugiados. A política migratória de Merkel afetou até sua popularidade e deu combustível para o crescimento da extrema-direita no país.

Uma vasta operação da polícia está em curso, com helicópteros sobrevoando a composição, e a linha entre Wurzburg e Ansbach foi fechada.

R7

Sobre O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Aproveite e Veja Também...

Governo alemão deve julgar ex-guarda nazista

A Justiça alemã marcou para outubro o julgamento de um ex-membro da SS (organização paramilitar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *