Política

Lula participa de ato em sindicato dos metalúrgicos do ABC

lula-abc-300x225 Lula participa de ato em sindicato dos metalúrgicos do ABC

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta segunda-feira (4) que não tem nada contra o vice-presidente Michel Temer, mas sugeriu que ele dispute a eleição se quiser ser presidente da República.  “Eu não tenho nada contra o Michel Temer. A única coisa que eu poderia falar: companheiro Temer, se você quer ser presidente da República, disputa a eleição, meu filho. Vai pra rua pedir voto. Esse negócio de tentar encurtar o caminho para chegar lá  não dá certo”, afirmou Lula durante ato na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP). Os organizadores estimaram 5 mil pessoas no ato.

Lula disse que é importante os trabalhadores começarem a se mobilizar para ir contra o pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff. “É importante a gente começar a convocar já no dia que for colocado em votação o impeachment temos que estar nas ruas desse país. Temos que estar nas ruas”, afirmou Lula.

Lula disse: “Eles estão tentando preparar uma mutreta para nós e tentando avisar apenas os coxinhas. Nós temos de avisar o nosso povo para dizer que não vamos permitir que a nossa Constituição seja rasgada e que a democracia seja arranhada”, discursou.

lula-abc Lula participa de ato em sindicato dos metalúrgicos do ABCO ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participa de ato da Frente ABC contra o Golpe no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo (SP) (Foto: Peter Leone/Futura Press/Estadão Conteúdo)

Lula afirmou que “é preciso dar uma acertada na política econômica do país. Governar, falar com o mercado. Nosso mercado é o povo consumidor, é a dona de casa”. Em seguida, Lula disse que não adianta tentar agradar a oposição. “Quanto mais agrada mais sai porrada na rede de televisão. Eles não querem agrado, querem derrubar o governo. Se é verdade que o impeachment está na constituição só pode ser com crime de responsabilidade. Tem que respeitar o voto popular que elegeu a Dilma em 2014.”

lulaabc Lula participa de ato em sindicato dos metalúrgicos do ABC
Lula chega para ato do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC (Foto: Roney Domingos/G1)

Lula disse que há um movimento para criminalizar o Partido dos Trabalhadores. “Em dezembro disse em Brasília para o PT tomar cuidado porque querem criminalizar o PT. Só o PT faz campanha para pedir dinheiro para empresário, o PSDB deve ir na sacristia pedir dinheiro. Não conheço ninguém que vendeu a casa, o carro ou tirou dinheiro do salário para ser candidato.”

“Nunca vi o ódio estabelecido contra o PT, os trabalhadores nesse país. A gente não precisa fazer o jogo rasteiro que eles querem que a gente faça. Se o Paulo Skaf [presidente da Fiesp] está fazendo toda publicidade na Paulista, o movimento sindical tem que perguntar se é dinheiro público do sistema S.”

Lula disse que vai nesta terça-feira (5) para Brasília participar de reuniões e se encontrar com a presidente Dilma Rousseff.

Também participaram do evento Carlos Alberto Grana, prefeito de Santo André; Luiz Marinho, prefeito de São Bernardo do Campo; e Donizete Braga, prefeito de Mauá

lulaabc3 Lula participa de ato em sindicato dos metalúrgicos do ABCManifestantes acenderam sinalizadores na chegada de Lula ao local (Foto: Roney Domingos/G1)

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar