Política

Cabo Gilberto questiona contrato da Cagepa de R$ 39 milhões para cartão alimentação na pandemia

cabo-gilberto-silva Cabo Gilberto questiona contrato da Cagepa de R$ 39 milhões para cartão alimentação na pandemiaO deputado estadual Cabo Gilberto Silva, líder da bancada da Oposição na Assembleia Legislativa da Paraíba, está cobrando do Governo do Estado que esclareça o contrato da Cagepa com a empresa UP Brasil Administração de Serviços Ltda, no valor de R$ 39,2 milhões para gestão de cartões de alimentação para os funcionários da Companhia em plena pandemia da Covid.

“Nosso gabinete recebeu documentos que mostram um contrato milionário de quase 40 milhões de reais, em plena pandemia, entre a Cagepa e a empresa UP Brasil Administração de Serviços Ltda, de São Paulo, e nós estamos cobrando do Governo do Estado e da Cagepa explicações para a sociedade, e para os próprios servidores da Cagepa, afinal a Companhia é dos paraibanos, e a população precisa saber sobre esses contratos”, comentou o parlamentar na manhã desta sexta-feira, dia 2.

“Vivemos um momento de pandemia e cada centavo da população deve ser prestado conta. Nós deputados temos a atribuição de fiscalizar a aplicação do dinheiro público e todo recurso gasto pelo Governo e pelas empresas públicas deve ser dada uma satisfação a população”, conclui o deputado Cabo Gilberto.

O CONTRATO – O contrato de nº 017/2021, recebido pelo gabinete do deputado Cabo Gilberto Silva, consta número de licitação 31.206.015910.2020 , no valor de R$ 39.200.000,00 ( trinta e nove milhões e duzentos mil reais), entre a Cagepa e a UP Brasil Administração e Serviços Ltda, de São Paulo.

“Para prestação de serviços de implantação, organização, gerenciamento e administração do fornecimento de cartões magnéticos de vale alimentação para atender aproximadamente 3.200 empregados/mês, nas localidades onde a Cagepa possua undiades próprias ou empregados, na Capital e no interior, no estado da Paraíba, de acordo com o termo de referência e seus anexos, proposta do fornecedor e demais elementos constantes deste contrato. O objeto contratual executado deverá atingir o fim a que se destina com eficácia e qualidade requerida. Período de vigência do contrato : 17/03/2021 a 17/03/2022”, diz a publicação.

paraibaradioblog

Etiquetas

O Pipoco

Jornalismo sério com credibilidade. A Verdade nunca anda sozinha. Apresentaremos fatos num jornalismo investigativo e independente. Com o único compromisso de mostrar para Você, Cidadão, o que acontece nos bastidores da Política; da Administração e Outros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar